Universidade Católica assina Protocolo com a Irmandade dos Clérigos

      

 

No dia 12 de junho de 2017, a Católica, através da sua Reitora, Profª Doutora Isabel Capeloa Gil, assina um importante acordo de cooperação com a Irmandade dos Clérigos, no Porto, representada pelo seu Presidente, Padre Américo Aguiar. A Cerimónia decorre às 17h30, no Edifício de Restauro do campus Foz.

A cooperação a ser desenvolvida no âmbito do presente Protocolo será estabelecida em domínios de interesse para ambas as partes, numa perspetiva de valorização recíproca, nomeadamente nos domínios da inovação e investigação científica, interação entre o sistema científico e tecnológico e o setor social, promoção de iniciativas no âmbito das artes, culto e cultura, formação, preparação e implementação de projetos, prestação de serviços, realização de serviço comunitário, ensino clínico, realização de estágios curriculares ou profissionais e atribuição de prémios ou bolsas a alunos ou graduados das Faculdades, Escolas e Institutos instalados na UCP-CRP.

O protocolo teve já os seus efeitos através da instituição da Bolsa de Mérito “D. Júlio Tavares Rebimbas, Arcebispo-Bispo do Porto” a atribuir a aluno do Mestrado em Conservação e Restauro de Bens Culturais, da Escola das Artes, a qual será atribuída já no próximo ano letivo. O aluno terá isenção total de propina e matrícula. Em contrapartida a Escola das Artes desenvolverá trabalhos de estudo e/ou intervenção de conservação e restauro, no âmbito do referido mestrado, cujo objeto de estudo incida sobre o património da geografia territorial ou jurisdicional da Diocese do Porto.

Ainda no âmbito do referido protocolo a Irmandade dos Clérigos criará o “Fundo Ângelo Alves”, o qual se destina ao financiamento da edição de obras produzidas no âmbito da investigação filosófica e teológica realizada na Católica, no estudo do corpus do pensamento português e portuense.