Pós-Graduação em Desenvolvimento Local Colaborativo

PrintPrint

Edição 2021/2022

Hoje, as cidades enfrentam desafios de desenvolvimento local, em particular de base comunitária, que requerem abordagens mais colaborativas ou participativas, enquanto meio:

  • De diagnóstico e de resolução eficaz ou de minimização eficiente de problemas sociais;
  • Facilitador ou de aprofundamento do trabalho em rede / parceria;
  • Agregador dos diferentes saberes, capacidades e competências relevantes da comunidade (i.e., técnicos, profissionais, residentes) para o processo de compromisso, inovação e mudança;
  • Potenciar e capacitar as populações vulneráveis para a criação de “valor social”.

Esta Pós-Graduação garante uma formação em contexto real, que se pode enquadrar no paradigma da aprendizagem-serviço, dotando os participantes de competências de conceção, gestão e avaliação de projetos de desenvolvimento comunitário junto dos vários atores sociais – cidadãos, coletivos informais e entidades públicas, privadas e da sociedade civil – colocando-os em “relação” e colaboração.

A Pós-Graduação conjuga e alia as vontades, a experiência e o conhecimento de duas entidades – a Católica no Porto e a Fundação Aga Khan Portugal – que garantem:

  • Territórios para a implementação de projetos locais animados pelos participantes da Pós-Graduação (um na Área Metropolitana do Porto e outra na Área Metropolitana de Lisboa).
  • Condições e meios para a aplicação de "diagnósticos participativos" e a implementação de "projetos de inovação comunitária".
  • Meios de "avaliação e monitorização" dos processos colaborativos ou participativos realizados em rede.
  • Uma equipa de investigadores, técnicos sociais e executores para o acompanhamento e supervisão dos participantes no processo de implementação local/territorial dos métodos e processos colaborativos/participativos.
  • A produção de conhecimento (regular e longitudinal) da implementação e do desenvolvimento dos processos colaborativos ou participativos em contexto urbano (territorial, local).

A Pós-Graduação é uma oferta formativa da ATES - Área Transversal de Economia Social da Católica no Porto, em articulação técnica com a Fundação Aga Khan Portugal, garantindo uma abordagem multidisciplinar de cariz prático e experimental.

 

Objetivos
Recorrendo a um modelo colaborativo e de trabalho em rede, a Pós-Graduação em Desenvolvimento Local Colaborativo visa abordar um conjunto de princípios orientadores da ação para o desenvolvimento comunitário urbano – participação, empoderamento, networking, governança, monitorização e avaliação, sustentabilidade e diversidade. Pretende-se assim que as/os participantes no final da Pós-Graduação, estejam aptos a:

  • Identificar e analisar diferentes níveis de participação comunitária;
  • Experimentar (praticar) o uso de ferramentas metodológicas promotoras da participação em contexto urbano;
  • Aplicar modelos colaborativos/participativos de diagnóstico e de planeamento territorial e/ou temático;
  • Conhecer e a aplicar instrumentos de "monitorização e avaliação" do trabalho comunitário em rede/parceria;
  • Conhecer e mobilizar políticas municipais ou autárquicas e os respetivos sistemas de governança local.
Área de Estudos: 
Gestão
Grau de Ensino: 
Pós Graduação
Regime: 
Pós-Laboral
ECTS: 
25
Destinatários: 

A Pós-Graduação em Desenvolvimento Local Colaborativo destina-se principalmente, mas de modo não exclusivo, aos seguintes tipos de profissionais (licenciados ou não licenciados):

  1. Funcionários ou técnicos superiores de organismos da Administração Central e Local.
  2. Profissionais de desenvolvimento local (dirigentes, gestores, membros de órgãos sociais, quadros técnicos e voluntários de organizações da sociedade civil ou de base local, de ONG/D e outras).
  3. Profissionais do setor privado com responsabilidade no desenvolvimento de políticas de "responsabilidade social" ou "corporativa" das empresas.
  4. Pessoas com formação de nível superior que pretendam iniciar atividade na área do “desenvolvimento local” urbano, incluindo voluntariado.

Nota: Será dada preferência à inscrição de dois ou mais técnicos ou profissionais de uma mesma entidade/organização.

Horários: 
  • O curso funcionará na modalidade de ensino combinado (blended learning), conjugando:
    • Aulas semanais em regime online às quartas-feiras das 17h30 às 21h30;
    • Aulas presenciais ao sábado de manhã no Porto (4 aulas ao longo do ano letivo)
    • Sessões laboratoriais presenciais em contexto comunitário a agendar entre alunos e entidades do território de intervenção (total de 24 horas)*.
  • O Curso compreende um total de 150 horas letivas e decorrerá entre outubro de 2021 e setembro de 2022.

 

*Nota: sempre que as condições sanitárias não permitam a realização de sessões laboratoriais presenciais, estas serão substituídas por sessões interativas online com a participação de convidados oriundos do contexto comunitário.

Propinas: 

Taxas e Propinas - Ano Letivo 2021/2022

Candidatura: 100€

Valor da propina: 800€ (9 mensalidade de 88.89€)

As candidaturas para frequência por módulos estão abertas ao longo do ano, mas apenas para os módulos 1, 2 e 3.

Módulos

Horas de Contacto

Custo módulos

1. Gestão de projetos de desenvolvimento local colaborativo: da conceção à avaliação s

32

350.00 €

2. Desenvolvimento local e inovação social: pressupostos teóricos e modelos de intervenção

32

350.00 €

3. Desafios contemporâneos das comunidades urbana

20

220.00 €

Mais informações disponíveis aqui.

Coordenação: 

Prof. Doutor Américo Carvalho Mendes (UCP-ATES)
Prof. Doutor Filipe Martins (FEP-UCP)
Mestre Filipe Pinto (UCP-ATES)

Contactos: 

Estudos Avançados e Formação
Drª Sara Miranda | @: smiranda@ucp.pt
t: 22 619 62 02